Criar formas marcantes por vezes depende apenas de algumas poucas linhas – e de um pouco de aço. A coleção Alpina, do estúdio de arquitetura argentino Ries, aposta em peças que remetem a desenhos: o aço torna-se leve e apenas dá o contorno dos volumes que se formam no vazio do ambiente. Uma inspiração e tanto para quem é apaixonado por espaços clean e pelo estilo industrial – a propósito, já falamos por aqui do aço corten e dos acabamentos Metallo Graffiato e Legno Spazzolato Cemento, tudo a ver com os materiais do post de hoje.

Bontempo: O minimalismo das linhas e do aço na coleção do estúdio Ries | Foto: Divulgação

A coleção é composta por uma mesa, uma cadeira, uma escrivaninha e uma estante. Leveza e sobriedade dão o tom das criações, que partem de uma série de proporções que se desdobram nos móveis. Vale lembrar que a ênfase na aparência mais crua permite somar móveis e objetos em outras cores e feitos com outros materiais. É o que sugerem alguns detalhes das peças, produzidos com materiais como madeira, fórmica e cobre.

Bontempo: O minimalismo das linhas e do aço na coleção do estúdio Ries | Foto: Divulgação

Bontempo: O minimalismo das linhas e do aço na coleção do estúdio Ries | Foto: Divulgação

Bontempo: O minimalismo das linhas e do aço na coleção do estúdio Ries | Foto: Divulgação

Bontempo: O minimalismo das linhas e do aço na coleção do estúdio Ries | Foto: Divulgação

As criações do estúdio Ries são uma lição de como as formas nascem do desenho – a partir de cada linha que traçamos, abrem-se infinitas possibilidades.