Delicadas, metálicas e com o já conhecido minimalismo presente no trabalho do designer Guilherme Wentz, assim são as luminárias Cana, inspiradas em uma das plantas mais simbólicas do país. Dando atenção às fronteiras entre as formas orgânicas e o universo do artificial, a peça conta com uma versão pendente e outra que pode ser fixada.

Materializada em aço galvanizado nas cores branco, grafite e preto, a luminária lançada na Decameron tem luz pontual e, quando vista de longe, pode até parecer uma simples linha reta. Os observadores, entretanto, facilmente reparam na curva que fica na ponta do objeto, reproduzindo o formato da cana descascada.

De acordo com o designer, a luz pontual foi pensada para destacar detalhes decorativos dentro do lar. Nada impede, no entanto, de criar, com várias delas, uma iluminação com inspiração mais artística e conceitual, especialmente se o objetivo é iluminar áreas maiores, como livings e áreas de jantar.

Brasilidade e estilo na decoração.

(fotos: reprodução/divulgação)