Apaixonada pela natureza, Hiné Mizushima é a ilustradora-artesã responsável pela graciosa (e super colorida!) coleção de broches inspirados em pequenos insetos. O projeto, batizado de The King Insectarium foi feito especialmente para uma exposição na cidade de Osaka (Japão), utiliza uma técnica de costura bem tradicional.

Trata-se do método Kogin: um trabalho manual minucioso criado pelos antigos camponeses orientais na fabricação de roupas. Aliás, foi durante um rigoroso inverno que a prática ganhou força. Os moradores da península Tsugaru utilizavam as fibras do que havia de mais prático e abundante na região – como o linho e o cânhamo -, para se aquecer. O Kogin é totalmente artesanal e tem como característica os bordados com fios grossos. Assim, o trabalho de Hiné é uma verdadeira homenagem aos seus ancestrais e a celebração de uma forma singular – e distintamente japonesa – de costura.

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

 The Kogin Insectarium: conheça a coleção de broches feitos a partir de técnica milenar de tecelagem

Design com história.

(Via Hiné Mizushima / Reprodução)